quinta-feira, 7 de março de 2013

O tempo de Deus é perfeito


“Essa é a vontade de Deus: a vossa santificação; que eviteis a impureza; que cada um de vós saiba possuir o seu próprio corpo santa e honestamente, sem se deixar levar pelas paixões desregradas” 1 Tessalonicenses 4,3-5

Princesas e príncipes do Senhor, essa passagem nos coloca diante de muitas situações que o mundo apresenta-nos nos dias atuais. Quantos jovens que você conhece que acabam namorando e levando uma vida desregrada de forma apressada, sem pensar nas consequências? Quantos jovens que conhecemos que vivem somente para os prazeres do mundo, que esquecem que foram criados por Deus e que não dão valor para o próprio corpo e o vendem por preços baratos. Isso não pode ficar assim mais, nós, jovens apóstolos do Espírito Santo temos que dar um novo rumo pra essa juventude. Não é fácil, mas Deus disse que não seria fácil, mas no final podemos ver a recompensa de jovens que tiveram suas vidas transformadas por Cristo Jesus.

Algumas pessoas pensam que namorar é só beijar e ter relações de intimidade. Hei...jovem, Deus preparou muito mais pra você. O Senhor quer que você viva uma vida de santidade junto dEle e da pessoa que Ele tem pra você. Como diz na passagem de 1 tessalonicenses 4,7 “Deus não nos chamou para a impureza, mas para a Santidade’’;

Cada coisa tem a sua hora para acontecer. O namoro é um período de conhecimento. É o momento que o casal deve aproveitar para conhecer as qualidades e defeitos um do outro. É o período de preparação para viver uma vida conjugal futuramente. É o momento de renúncias. Renunciar ao ato sexual, as carícias indesejáveis, se for preciso também os beijos demorados e a tudo aquilo que possa afastar o casal da vontade de Deus. Tudo isso é guardado para o momento mais especial da vida do casal, o matrimônio!

Tem uma história de um livro muito bacana chamado “Romance a maneira de Deus”, de Eric e Leslie Ludy. Esse é um bate-papo de Leslie em um momento que decidiu entregar sua vida amorosa a Deus. Quem ainda não leu o livro, recomendo, vale a pena...




“Você declara dramaticamente:


- Senhor, renuncio a área de relacionamentos da minha vida para entregá-la a Ti! Não vou mais procurar relacionamentos. Vou esperar pacientemente pelo Teu "perfeito tempo".

Você se sente muito bem com esse seu novo compromisso. Esta confiante no "tempo perfeito" de Deus. Você se acomoda confortavelmente, pois tem certeza de que a teoria "esperar sem namorar" vai funcionar sem problema. Passam-se alguns minutos. Você suspira e sorri. Até que esse negócio de esperar não é tão difícil assim! Você pensa. Passam-se cinco minutos. Uau! Esse negócio não tem segredo! É realmente bem simples!

Após uns vinte minutos, você começa a ficar levemente inquieta. Vai até a janela e fica olhando para fora. É, você fala consigo mesma, é assim mesmo! Sente-se, relaxe e deixe Deus fazer todo o trabalho. Meu futuro marido poderá estar à porta da minha casa a qualquer minuto.

Depois de meia hora. você começa a andar de um lado para o outro.

- Hum... com licença, Deus, sou eu de novo. Só queria me certificar se Tu sabes que eu estou aqui ESPERANDO que faças alguma coisa em minha vida, na área de relacionamentos.

Estas lembrado? As seis horas desta tarde eu fiz um compromisso Contigo de esperar em Ti pelo meu futuro marido. E... ah... não quero ser indiscreta ou coisa parecida, mas já faz meia hora que estou esperando. Estou pronta, está bem?

Mais cinco minutos e você fica realmente agitada. Tique. taque. tique. taque. tique. taque... Os ponteiros do relógio da parede continuam correndo, mas os minutos passam vagarosamente. Você olha pela janela mais uma vez. Nenhum sinal do seu futuro marido. Você dá um daqueles suspiros profundos e olha no seu relógio. Você decide dar mais um minuto a Deus.

Espera o ponteiro grande do relógio mover-se mais uma vez ao redor do círculo. Quando o tempo termina, você cai em grande frustração.

- Deus, quanto tempo Tu queres que eu fique aqui sentada esperando pelo meu futuro marido? E que tenho pessoas para ver, lugares para ir. Não posso simplesmente ficar sentada aqui como um vegetal. Desculpe, Deus, mas esse negócio de esperar não funciona! Vou voltar a namorar. Não posso desperdiçar tempo esperando que Tu faças alguma coisa.”

Quantas vezes nós já agimos assim com Deus? Como se Ele fosse um gênio da lâmpada mágica que fizesse aquela pessoa especial aparecer? O que precisamos saber, irmãos é que o tempo de Deus é diferente. No momento que nos decidimos entregar nossa vida sentimental a Deus, é que Ele começa a agir do Seu modo. Começa a escrever a nossa história em um livro com folhas limpas e perfumadas. Uma história que as vezes não acreditamos que pode ser nossa, mas que Deus a escreve com todo carinho e amor. Decidir entregar a nossa vida nas mãos de Deus não é fácil. Renunciar as nossas vontades também não. Mas a certeza da felicidade eterna é garantida no final da história.


Daiana Vieira Lopes

Diocese de Montenegro


Curta nossa página: www.facebook.com/blogparaprincesas

8 comentários:

  1. Nossa,esse artigo foi maravilhoso...!!!Muitas colegas me contam sobre seus namoros,e é cada coisa que nem dá pra acreditar,vou indicar pra elas esse artigo,tenho certeza que vai ajuda-las!

    ResponderExcluir
  2. muito bom! Me vi aí nessa ansiedade de querer tudo pra ontem! Affsss Deus me ajude.

    ResponderExcluir
  3. Pra cada coisa há um tempo
    Vamos ficar em oração e esperar em Deus ^^

    ResponderExcluir
  4. quero me torna uma princesa me ajude https://www.facebook.com/julielle.ju

    ResponderExcluir
  5. E o que dizer para aquelas pessoas que passaram a vida "esperando em Deus" e estão com 40, 50, 60 anos?? Não que seja fácil para um jovem esperar, mas no íntimo ele sabe que tem a vida pela frente, a cabeça e o coração estão "limpos", diferente de uma pessoa madura, que muito já sofreu e se decepcionou com relacionamentos. Acho que esse negócio de "esperar em Deus" tem um limite sim (apesar desse negócio de sabermos que o tempo Dele é diferente do nosso! E fica a pergunta: por que existe a idade cronológica então?), pois depois de uma certa idade fica impossível realizar certas coisas (por exemplo, para a mulher ter filhos). Depois de uma certa idade, a pessoa tem que aceitar que casamento não é para ela, senão é sofrimento na certa. Como diz o ditado: "aceita, que dói menos!". Enfim, boa sorte para quem está "esperando"!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. respondi em um artigo, não coube aqui kkk.... (http://blogparaprincesas.blogspot.com.br/2014/02/esperar-em-deus-tem-limite.html)

      Deus te abençoe!!!

      Excluir
  6. Paz e Bem....estou com 40 anos estou na espera de Deus pelo meu José...coração ferido pelos relacionamentos que pensei que eram de Deus...mas foram somente para me desviar dos propósitos de Deus....mas hj veio a fraqueza e me pergunto PORQUE Senhor ainda não encontrei meu José será que não digna dessa benção...olhe para os lados e todos estão com seu par....somente eu estou sozinha...as lágrimas rolam, a dor parece que vai me sufocar....fui pedir misericordia ao Pai e chorar aos seus pés....orem por mim para que a dor não me deixe desistir dos planos que o Pai tem para mim.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mônica, coloca tua dor aos pés do Senhor! Confia n'Ele!
      Uma dica que te dou: não espere parada, não sei se é seu caso, mas te digo... espere no Senhor buscando servir a Ele, se engaje em um grupo, movimento, pastoral que lhe proporcionem estar à serviço de Deus, passear, fazer amigos. Não deixe que esse sofrimento das demoras de Deus te aprisionem.
      COM CERTEZA, estaremos em oração por você!

      Paz e bem...

      Excluir

Obrigada por deixar seu comentário, ele é muito importante pra nós! ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...