quinta-feira, 28 de março de 2013

Não consigo mostrar que mudei. Como faço?

Recebi a seguinte pergunta:

"Conheci à Deus e desde então venho buscando conversão. Mas tem sido muito difícil porque as pessoas não acreditam na minha mudança, minha família não confia em mim. Os rapazes (que antes eu saía) ficam me ligando e me desrespeitando, amigos... perdi todos. Sofro preconceitos dentro e fora da Igreja, e TUDO o que faço é motivo para zombarem de mim. Como faço para adquirir o respeito que se deve a uma princesa?"

Louvo ao Senhor que te resgatou e ESCOLHEU!
Não se esqueça da Palavra que diz:
Onde abundou o pecado superabundou a graça (Rm 5,20)
O primeiro passo é entender que conversão é um processo e você está passando pela primeira barreira que faz parte desse processo que só termina no céu.
E não é e nem será a primeira a passar por isso...
Olha esse exemplo: São Paulo Apóstolo era um assassino de cristãos que se converteu, imagina o que ele enfrentou???!!! A desconfiança, o medo, o preconceito. Mas ele venceu! Por que? Porque foi fiel e perseverante.

A confiança da sua família, o respeito das pessoas que conhecem seu passado virá com o tempo, quando você começar a dar frutos de conversão.
Todos nós somos chamados a dar frutos, Jesus nos ensina isso quando conta a parábola da figueira (Lc 13,1-9), e deixa bem claro que aquele que não der frutos será cortado.
Deus nos mostra ao longo da caminhada que frutos são esses, que é crescer na fé, na generosidade, no amor, na caridade, na justiça.

Somos meio "São Tomé" precisamos ver pra crer, talvez seja isso que sua família está esperando. Eles querem ver pra acreditar. Tenha paciência!

Com relação aos "amigos" que perdeu, pode ter certeza que Deus sabe disso e te presenteará com verdadeiros amigos. E não se esqueça de que encontrar um amigo de verdade é como encontrar um tesouro, não aparece de repente, e é precioso demais pra se perder!

Tome atitudes radicais se preciso for. Não atenda, nem dê conversas a rapazes que vão te desrespeitar, se não há maneira de evitar a convivência deixe que sua vida mostre que você é uma nova mulher, nascida de Deus! E sua postura de princesa irá colocá-los em seus devidos lugares. O silêncio nessa hora pode ser seu grande aliado nessa batalha!

E NUNCA deixe de orar, de confessar, de comungar, de estar engajada na Igreja, de buscar conhecer o Senhor. Tudo isso é força pra prosseguir!

VAI VALER A PENA!!!

Coragem...
Paz e bem...


terça-feira, 26 de março de 2013

Mas é caríssimo! Como faço?!

Estava conversando com minha tia neste fim de semana sobre um assunto que muito interessa a nós princesas.

Pense comigo...

Passando em frente a uma loja, na vitrine vejo um vestido lindo e me apaixono... Penso: "Ai, eu quero!"
Então entro na loja e me deparo com o preço, levo um susto! Carissímo!!!! Mas como faço?! Quero muito!

Junto o dinheiro ou parcelo em suaves prestações e levo pra casa, toda feliz!

Chegando em casa cuido daquele vestido, não misturo com outras roupas na hora de lavar, evito até de sujar, porque sei o quanto quis e quanto me custou!

A qualidade ou beleza do vestido pode ser até semelhante a outros que já tenho, mas esse me custou caro e por conta disso cuido muito mais dele.

A mesma coisa somos nós mulheres!

Mas como assim Fabiana? Você está nos comparando com roupas?

Sim princesa, presta atenção:

O cara se apaixona por você, ele te olha e quer você. Aí ele pode ter uma surpresa, seu preço pode ser caro demais pra ele, então ele tem que dar um jeito de pagar, ou procurar outra mais barata.

É nessa hora que se descobre os príncipes e as princesas.

Qual tem sido o preço que seu pretendente tem pagado por você?

Vou contar sobre meu preço....

Quando conheci o Ricardo (hoje meu marido) me encantei por ele, vi virtudes nele que até então não tinha encontrado em ninguém, mas como princesa não ia sair barato pra ele, então, veio o preço que ele tinha pagar:
- Conversar com meus pais
- Viver um namoro santo
- Tomar atitudes ( coisas simples como: pagar a conta, me buscar em casa, etc..)
- Não beber (O alcoolismo É o grande vilão das famílias)
- E etc...

Cada mulher tem seu valor, mas o que temos em comum como filhas de Deus é que nosso valor excede aos rubis, ou seja, somos preciosas!

E você precisa acreditar que é preciosa, que seu valor é inestimável e não pode deixar ninguém pagar barato por você.

Mulher NUNCA corre atrás de homem! Nunca!!!
A mulher de Deus sabe seu valor e quando esquece olha pra cruz de Jesus e se lembra. E isso não tem nada a ver com virgindade, porque muitas mulheres pensam que porque perderam a virgindade perderam o valor. NÃO!!! Isso é mentira do inimigo. Seu passado é apagado por Deus pela confissão!

Seu valor está naquilo que você é pela misericórdia de Deus!

Se aquele homem não está disposto a pagar o preço foge que é sapo! Porque o homem de Deus vai identificar a preciosidade que é você.

A hora é de avaliar...
Qual meu valor? Estou me dando esse valor?
Estou me achando demais a ponto de ninguém se aproximar, ou servir pra mim?
Qual o preço que meu namorado tem pagado por mim?
Sou fácil demais?

Acredite irmã, se enquanto é namorado ele não dá valor em você, não dará depois de casado! Vigia!

Se eu quero aquele lindo vestido tenho que ter condições de pagar por ele, ou então me contento com outros mais baratos!

Que tipo de vestido é você?
Em tudo sê princesa!

Mulher virtuosa quem a achará? O seu valor muito excede ao de rubis.
Provérbios 31,10

Paz e bem...

quinta-feira, 21 de março de 2013

Minhas desculpas

Oi princesas lindas...

Quero hoje pedir desculpas a todos os leitores que passam por aqui!

Faz tempo que não escrevo artigos novos e vou explicar o motivo...

Estou trabalhando muito, meu horário de almoço é muito corrido e a noite tenho casa e dois lindos filhos pra cuidar. E sabem como é né?! Chego em casa a tarde, é janta pra fazer, casa pra limpar, lição de casa, etc...
Também tenho o grupo de oração que participo e o blog (que é minha paixão) fica de lado! :( ... ME PERDOEM.

Também tenho passado por algumas dificuldades, o inimigo tenta me fazer pensar que não mereço estar aqui falando com vocês, me sinto incapaz e indigna.

Segunda dia 18/03 escrevi um texto sobre o que Deus falou comigo na Missa de domingo, lembram que o Evangelho falava da pecadora perdoada, que queriam apedrejá-la e Jesus disse: quem não tiver pecado que atire a primeira pedra!
Vocês lembram?

A homilia do Padre foi linda!!!!! Deus falou muito comigo e é claro vim aqui para partilhar com vocês... mas sempre leio e reviso meus textos.
Nesse meio tempo descobri que sou miserável demais e nem tive coragem de partilhar com vocês... :'(...


Aí hoje estou aqui para pedir DESCULPAS e dizer que tenho certeza que Deus vai me levantar!

Conto com a oração de vocês...
Paz e bem...

quinta-feira, 7 de março de 2013

O tempo de Deus é perfeito


“Essa é a vontade de Deus: a vossa santificação; que eviteis a impureza; que cada um de vós saiba possuir o seu próprio corpo santa e honestamente, sem se deixar levar pelas paixões desregradas” 1 Tessalonicenses 4,3-5

Princesas e príncipes do Senhor, essa passagem nos coloca diante de muitas situações que o mundo apresenta-nos nos dias atuais. Quantos jovens que você conhece que acabam namorando e levando uma vida desregrada de forma apressada, sem pensar nas consequências? Quantos jovens que conhecemos que vivem somente para os prazeres do mundo, que esquecem que foram criados por Deus e que não dão valor para o próprio corpo e o vendem por preços baratos. Isso não pode ficar assim mais, nós, jovens apóstolos do Espírito Santo temos que dar um novo rumo pra essa juventude. Não é fácil, mas Deus disse que não seria fácil, mas no final podemos ver a recompensa de jovens que tiveram suas vidas transformadas por Cristo Jesus.

Algumas pessoas pensam que namorar é só beijar e ter relações de intimidade. Hei...jovem, Deus preparou muito mais pra você. O Senhor quer que você viva uma vida de santidade junto dEle e da pessoa que Ele tem pra você. Como diz na passagem de 1 tessalonicenses 4,7 “Deus não nos chamou para a impureza, mas para a Santidade’’;

Cada coisa tem a sua hora para acontecer. O namoro é um período de conhecimento. É o momento que o casal deve aproveitar para conhecer as qualidades e defeitos um do outro. É o período de preparação para viver uma vida conjugal futuramente. É o momento de renúncias. Renunciar ao ato sexual, as carícias indesejáveis, se for preciso também os beijos demorados e a tudo aquilo que possa afastar o casal da vontade de Deus. Tudo isso é guardado para o momento mais especial da vida do casal, o matrimônio!

Tem uma história de um livro muito bacana chamado “Romance a maneira de Deus”, de Eric e Leslie Ludy. Esse é um bate-papo de Leslie em um momento que decidiu entregar sua vida amorosa a Deus. Quem ainda não leu o livro, recomendo, vale a pena...




“Você declara dramaticamente:


- Senhor, renuncio a área de relacionamentos da minha vida para entregá-la a Ti! Não vou mais procurar relacionamentos. Vou esperar pacientemente pelo Teu "perfeito tempo".

Você se sente muito bem com esse seu novo compromisso. Esta confiante no "tempo perfeito" de Deus. Você se acomoda confortavelmente, pois tem certeza de que a teoria "esperar sem namorar" vai funcionar sem problema. Passam-se alguns minutos. Você suspira e sorri. Até que esse negócio de esperar não é tão difícil assim! Você pensa. Passam-se cinco minutos. Uau! Esse negócio não tem segredo! É realmente bem simples!

Após uns vinte minutos, você começa a ficar levemente inquieta. Vai até a janela e fica olhando para fora. É, você fala consigo mesma, é assim mesmo! Sente-se, relaxe e deixe Deus fazer todo o trabalho. Meu futuro marido poderá estar à porta da minha casa a qualquer minuto.

Depois de meia hora. você começa a andar de um lado para o outro.

- Hum... com licença, Deus, sou eu de novo. Só queria me certificar se Tu sabes que eu estou aqui ESPERANDO que faças alguma coisa em minha vida, na área de relacionamentos.

Estas lembrado? As seis horas desta tarde eu fiz um compromisso Contigo de esperar em Ti pelo meu futuro marido. E... ah... não quero ser indiscreta ou coisa parecida, mas já faz meia hora que estou esperando. Estou pronta, está bem?

Mais cinco minutos e você fica realmente agitada. Tique. taque. tique. taque. tique. taque... Os ponteiros do relógio da parede continuam correndo, mas os minutos passam vagarosamente. Você olha pela janela mais uma vez. Nenhum sinal do seu futuro marido. Você dá um daqueles suspiros profundos e olha no seu relógio. Você decide dar mais um minuto a Deus.

Espera o ponteiro grande do relógio mover-se mais uma vez ao redor do círculo. Quando o tempo termina, você cai em grande frustração.

- Deus, quanto tempo Tu queres que eu fique aqui sentada esperando pelo meu futuro marido? E que tenho pessoas para ver, lugares para ir. Não posso simplesmente ficar sentada aqui como um vegetal. Desculpe, Deus, mas esse negócio de esperar não funciona! Vou voltar a namorar. Não posso desperdiçar tempo esperando que Tu faças alguma coisa.”

Quantas vezes nós já agimos assim com Deus? Como se Ele fosse um gênio da lâmpada mágica que fizesse aquela pessoa especial aparecer? O que precisamos saber, irmãos é que o tempo de Deus é diferente. No momento que nos decidimos entregar nossa vida sentimental a Deus, é que Ele começa a agir do Seu modo. Começa a escrever a nossa história em um livro com folhas limpas e perfumadas. Uma história que as vezes não acreditamos que pode ser nossa, mas que Deus a escreve com todo carinho e amor. Decidir entregar a nossa vida nas mãos de Deus não é fácil. Renunciar as nossas vontades também não. Mas a certeza da felicidade eterna é garantida no final da história.


Daiana Vieira Lopes

Diocese de Montenegro


Curta nossa página: www.facebook.com/blogparaprincesas

segunda-feira, 4 de março de 2013

Glorioso encontro!

4 meses!

120 dias!

2880 horas!

Sim esse foi o período que eu fiquei sem escrever no Blog. Mas estou de volta!



Em 2010, ganhei um livro de presente de uma princesa: Glorioso Encontro, como receber do coração do Pai o esposo (a) que você procura. No dia seguinte, li o livro todo. É uma leitura bem dinâmica e interessante e na vontade de descobrir logo o final, li em um dia só.

O livro conta uma história real e envolvente. Não farei um resumo do livro, pois posso deixar passar algum detalhe. Deixarei o mistério no ar para que vocês possam ter a curiosidade de ler também.

Em si, o livro traz a proposta de fazermos uma listinha sobre as qualidades que esperamos encontrar em uma princesa/príncipe. Você pode pensar que fazer uma listinha pode limitar as possibilidades de encontrar alguém, eu também pensei isso no inicio, mas a listinha vai ajudar a você definir o que está procurando. 

Sabendo o que procura, é mais fácil identificar quando encontra.

Pois bem, eis que fiz a minha. Coloquei nela tudo que eu queria encontrar em uma princesa:

1 – Que acima de tudo, ame a Deus.
2 – Seja engajada em algum movimento na igreja, preferencialmente na RCC.
3 – Tenha uma vida de oração.
4 – Busque um namoro santo.
5 – Que realmente esteja a minha espera.
6 – Companheira.
7 – ...
8 – ...
9 - ...
10 – Não beba, não fume.
11 – Goste de música.
12 - ...
13 - ...
Ps: Não irei revelar todas as qualidades que procuro, assim ficaria fácil demais.

Então durante algumas semanas rezei por essas qualidades. Entretanto, nessa época eu vivia a expectativa de um namoro santo, e na pessoa encontrava aquilo que eu estava procurando na época. Assim, fui deixando a listinha de lado. Contudo o namoro não se concretizou.

Tempos atrás, uma princesa aqui do blog, pediu para que eu escrevesse um artigo que falasse sobre esperar em Deus. Lembrei-me desse livro e resolvi refazer a leitura e assim reencontrei a minha listinha. Fiz algumas alterações necessárias e tenho rezado todos os dias com ela.

Deixo aqui minha dica, leiam o livro, façam suas listinhas e joelhos no chão.

Paz e bem!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...