sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Será que sou princesa mesmo?

É bonito dizer que é cristão, dizer que somos princesas. É muito bom participar de grupos, comunidade. Mas o que temos que entender é que só participar da Igreja não faz de nós princesas. 
Fico muito triste quando vejo mulheres que não entendem seu próprio valor. Vivem como se não fossem amadas, buscam nas baladas, nos braços dos sapos, nas bebedeiras, algo que só Deus pode suprir que é nossa carência, nosso vazio!
Tem certas coisas que não convém a um cristão, no artigo que fala sobre as dez qualidades de uma princesa está o fato de NUNCA ficar bêbada.
 Isso não são atitudes de princesa...

Você pode até pensar: "vou curtir a vida, me arrependerei só do que não fiz!" 
Você é livre pra pensar e agir assim, mas então aguente as consequências de suas atitudes. Não culpe a Deus por não ter sido bom com você, colhemos aquilo que plantamos. "O salário do pecado é a morte, enquanto o dom de Deus é a vida eterna." (Rom 6,23). Chega de máscaras, chega de ser princesa só na Igreja!

"Ahhh mas porque será que não encontro um homem bom, que me ame, me respeite?" Porque talvez você não foi ou não é uma princesa, não se amou e não se respeitou, como exigir isso de alguém?!
Curtir a vida é viver a verdadeira liberdade é deixar-se conduzir pelo Espírito Santo, e colher os frutos que são:
Caridade, alegria, paz,paciência, bondade. (Gálatas 5,22)

Adianta beber todas, fazer coisas que nem você imaginava que era capaz, dormir e acordar com dor de cabeça, tristeza, solidão, vazio e até arrependida?!
Não é isso que Deus tem pra você! Chega de viver assim, pare de fazer graça para seus amigos, pare de achar que beber é bonito. Deus sabe como você está por dentro, não se refugie em atitudes falsas.
"Fostes chamados à liberdade. Não abuseis,porém, da liberdade como pretexto para prazeres carnais." ( Gálatas 5,13a)
Você pode mudar o rumo da sua história!

Beijos...
A paz de Jesus...




4 comentários:

  1. Toda mulher devia ler!

    ResponderExcluir
  2. Já fiz muito isso! Vivia em cima do muro, com os amigos da igreja era Glória Deus pra cá Glória Deus pra lá mais quando me juntava com meus amigos que não gostam de igreja eu simplesmente me transformava, bebia, dançava horrores e no final o que restava: um ser vazio, triste e arrependida que fazia de tudo pra chamar atenção e ser aceita pelos amigos do mundo, já sempre era a mais animada do grupo, mais descolada... Por experiência própria: Não compensa ser assim! Hoje quero distância dessas coisas. Outro dia conversando com padre Paulo Ricardo ele me disse isso: "minha filha afaste-se (apesar de que gosto muito deles), apenas reze por eles não é que estou te orientando a criar uma repulsa por eles, mais veja bem: é mais fácil quem está no mundo te "reverter" do que voce conseguir convertê-los. Portanto, fuja dessas ocasiões e mostre realmente quem você é e a que vc veio."

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. muito importante esse testemunho. Deixei em nossa página no face do blog. Obrigada!

      Excluir

Obrigada por deixar seu comentário, ele é muito importante pra nós! ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...